fbpx

Aromaterapia e cabelos

O cuidado com o couro cabeludo e cabelos não deve ser negligenciado. Normalmente, as mulheres preocupam-se com uma boa aparência, mas, infelizmente, os cuidados com a saúde dos cabelos só é visto como essencial quando alguma anomalia acontece. É importante você sempre alisar, com a ponta dos dedos e toque suave, o couro cabeludo com o objetivo de atestar que não há nenhuma ferida ou área dolorida. Se possível, peça para alguém ver para você se o seu cabelo não está apresentando algum aspecto diferente.

Abaixo, separei algumas receitas e dicas para prevenção e tratamento de doenças.

Aromaterapia Capilar
Para prevenir
Enxágue para o cabelo
Uma forma prática de tratar e perfumar os cabelos é acrescentar algumas gotas de óleo essencial à água do último enxágue.

Cabelos claros
1 litro de água mineral
2 gotas de óleo essencial de camomila-romana
1 colher de chá de álcool de cereais
Misturar o óleo essencial no álcool de cereais e acrescentar a água mineral

Cabelos escuros
1 litro de água mineral
2 gotas de óelo essencial de alecrim
1 colher de chá de álcool de cereais
Misturar o óleo essencial no álcool de cereais e acrescentar a água mineral

Cabelos oleosos
1 litro de água mineral
2 gotas de óleo essencial de alecrim
1 gota de óleo essencial de sálvia esclarea
1 colher de chá de álcool de cereais
Misturar o óleo essencial no álcool de cereais e acrescentar a água mineral

Para tratamento

Dermatite seborréia
Popularmente conhecida como caspa, caracteriza-se por uma oleosidade excessiva no couro cabeludo, seguida por inflamação e descamação. Para o tratamento, utilizam-se xampus, anti-inflamatórios, fungicidas e normaliza dores da descamação.
O shampoo deve ser usado diariamente para uma eficaz remoção da oleosidade e impurezas do couro cabeludo. Lave o couro cabeludo duas vezes seguidas com a polpa dos dedos (evite as unhas), sendo que na segunda vez deixe agir por 2 minutos. Use água morna ou água fria. Enxágüe bem e após secar com a toalha, use o secador de cabelo (morno) para remover o excesso de umidade. Prefira os secador profissionais, pois produzem mais vento que calor. Evite dormir com os cabelos molhados ou coloque rouca, capacete ou boné quando os cabelos estiverem úmidos.
Você pode diluir os óleos essenciais em álcool de cereais e acrescentar ao seu shampoo de uso diário.

Eczema: patchouli, cedro, petitgrain, bergamota e lavanda
Eczema associado ao estresse: junípero, lavanda, gerânio, alecrim, bergamota, patchouli, cedro e ylang ylang
Infecção microbiana: lavanda e tea trea

Psoríase
Essa doença de pele possui localização freqüente nos joelhor e cotovelos, mas, em alguns casos, acomete o couro cabeludo.
Óleos essenciais indicados: cedro, patchouli, bergamota, cipreste, gerâncio, lavanda, pinheiro, olíbano, petitgrain e palma rosa

Tinha do Couro cabeludo
Causada por diferentes fungos que provocam a perda do cabelo localizada.
Óleos essenciais fungicidas: tomilho, tea trea, lavanda, gerânio, palmarosa e manjericão

 

Renata Hermes
Naturologa
Deixe seu e-mail aqui e receba conteúdo sobre saúde, qualidade de pensamentos e equilíbrio emocional
Especial dia dos namorados

Todo mundo quer uma resposta simples, um manual de como fazer ou algum milagre quando o assunto é relacionamento amoroso. E eu queria poder te dar tudo isso, mas como você já deve imaginar, não é assim que as coisas funcionam. Por quê? Porque pessoas são diferentes. Para o dia...